17 de agosto de 2016

Hiato

Pausa! 
Retenho o instante consciente do que é o presente. Observo os pormenores como quem saboreia uma iguaria com os cinco sentidos.
Coloquei o passado na estante junto dos livros que li; os mesmos que co-produziram quem sou sem precisar de lê-los todas as noites. Noutra prateleira estão os livros por ler - o futuro que me espera sem perturbar até chegar o momento.
Aceito o presente com os seus ângulos e linhas, descobrindo a magnitude de navegar aqui e agora - somente Agora.



2 comentários: