21 de março de 2016

Mais sou

Despida de ti,
Ausente do desejo de te ter,
Longe do teu lado na cama...
sinto-me mais mulher: 
visto o meu melhor vestido, arrisco uma outra maquinagem.
Saio para o mundo que me espera.
Bebo-me.

Escrito a 25-7-2014

Sem comentários:

Enviar um comentário